quarta-feira, 18 de maio de 2011

Poema - Noturno




NOTURNO



Ao anoitecer virás bater à janela
como os lepidópteros noturnos


seria lúcido talhar-se nesta noite
e interromper teu fluxo

tua carne exposta em mim
à mostra tuas entranhas

mas quero-te sem crime
a tecer casulos e depositar larvas

tua volição desnuda

debruçada
sobre o tapete da sala.


Alex Zigar

17 comentários:

  1. Noturno e intenso, Alex. Gostei!!!

    ResponderExcluir
  2. Muito profundo. O eu-lírico rompe barreiras se instalando profundamente em nossas fantasias...


    (prazer em conhecer seu espaço)
    Em tempo, fui a seguidora de numero 100! Isso é sorte pra mim e mais mil pra tu... kero presente! kkkk

    bj.

    Catita

    ResponderExcluir
  3. Kel, obrigado pelo comentário entusiasmado.

    Abraços.

    ResponderExcluir
  4. Aline, fico contente por sua visita e generosidade. Obrigado.

    Um forte abraço.

    ResponderExcluir
  5. Lara, sua presença aqui é um grande prazer. Fico feliz pelo comentário. Muito obrigado.

    Abraços.

    ResponderExcluir
  6. Catita, seja bem-vinda. Obrigado pelas bondosas palavras. Que seu desejo possa se realizar. Fico muito contente pelos leitores que acompanham este blog.E apesar de não ter feito promoção pelo seguidor cem, quando lançar meu livro, lhe envio um exemplar.

    Abraços.

    ResponderExcluir
  7. Puxa....fantástico, genial! de verdade, adorei! voltarei muitas e muitas vezes....abraço

    ResponderExcluir
  8. Bom, alex...adorei o estilo. Nessa minha folta (ou quase) das férias que me dei, encontro muita coisa boa. Parabéns!

    ResponderExcluir
  9. Obrigado, Alexandre. Seja bem-vindo.

    Grande abraço.

    ResponderExcluir
  10. Obrigado, Tania. Um prazer sua visita.

    Forte abraço.

    ResponderExcluir
  11. permita-me a palávria seca: caralha!

    ResponderExcluir
  12. Esse poema endoideceu minha madrugada !

    Bendita inspiração !

    Abraço grande , Alex !

    ResponderExcluir
  13. Muito bom, Alex!!

    Parabens!

    =)

    PS. Passa la no blog..

    ResponderExcluir